Orçamento – como organizar?

Querid@s,

Muitas pessoas me perguntam como organizar o casamento sem ter que vender seu rim para isso. Bem acho que existem algumas dicas básicas que podem facilitar a vida de vocês. Claro que os valores que eu colocar aqui são válidos para o RJ, mas é sempre bom ter uma referência.

Vamos as dicas então:

1. Defina seu orçamento
Quando decidi casar pensávamos em gastar algo em torno de 30mil. Sei que parece muito quando se pensa em casamento, mas aos poucos você vai descobrir que não é muito não. Bem, minha dica é tente trabalhar com o valor 20% menor ao longo dos preparativos. Por que isso? Porque sempre surgem coisas de última hora, além de sempre ter aquela coisinha que você descobriu na véspera do casório e gostaria de ter. Caso não venha a usar, economizar nunca é demais.

Divisão do orçamento:

30% – Buffet (comida + bebidas)
10% – Local
10% – Flores
15% – Foto e Filmagem
10% – Roupas dos noivos
8% – Cerimonial e decoradora
3% – Lembrancinhas
2% – Carro da noiva
4% – Convites e papelaria
3% – Custos do casamento (Cartório, juiz de paz e etc)
5% – Música

ps.: Essa divisão é maleável. Às vezes economizamos em uma coisa e gastamos mais em outras.

2. Defina o número de convidados

Antes de sair que nem uma louca procurando lugares faça uma lista preliminar de convidados. Se sua lista tiver 80 pessoas, provavelmente ela vai crescer bastante. Ou seja, procure lugares que caibam 150 pessoas no mínimo. E siga a lógica, se sua lista tem 200 pessoas busque lugares que caibam 250/300 pessoas. Porque isso? Porque começamos a pensar em casamento muito tempo antes, e muitas coisas mudam ao longo de 1 ou 2 anos. Sem falar que sempre esquecemos de alguém.
3. Escolha o tipo de evento que você gostaria de ter
Agora é o momento dos noivos soltarem a imaginação e pensarem em tudo o que gostam. Se vocês amam praia e sempre sonharam com um casamento ao por do sol com cheiro de maresia, esse é o momento de realizar esse sonho. Mas se você gostaria de ter um casamento glamuroso, cheio de brilho e talz, não vale a pena escolher um hotel em Búzios para fazer o casamento. Entenderam a lógica?
4. Escolha o lugar para o casamento
Busque locais que atendam tanto o critério do número de convidados quanto o estilo do casamento que você quer. Lembre-se do orçamento e nunca feche com o primeiro lugar que vocês visitarem. Busquem referências e mantenham na cabeça que se gastarem muito aqui terão de economizar em outras coisas.
5. Defina o buffet
Eu sempre acho que se você fecha um local que possa levar tudo de fora é mais vantajoso. Primeiro porque na maioria dos casos é mais barato e porque você fica mais livre e certo de que terá somente coisas que gostou muito em seu casamento. Orce buffets que você tenha referências e não indico a ninguém a degustar mais de 3 ou 4. Porque? Porque opções demais confundem. Veja cada detalhe, informe tudo o que gostaria e o que não gostaria.
6. Foto/Filmagem
Acho que esse é um dos momentos mais delicados de todos. Porque? Porque são as fotos e a filmagem que ficam pra sempre. Você pode economizar em todos os itens, menos nesses dois. Procure fotógrafos que agradem o estilo e depois que caibam no seu bolso. Garanto que existem fotógrafos para todos os gostos e bolsos no mercado. Mas devo dizer, se aparecer um fotógrafo te cobrando menos de R$ 1.000,00 desconfie, pois só o custo de impressão dos álbuns é cerca de R$ 500,00 dependendo do número de páginas.
Em breve eu volto com um segundo post sobre mais dicas e em que podemos economizar.
Beijos,
Naty